+1 (305) 323.5377 growth@besingular.us
Select Page

Vik Muniz, O Jardim das Delícias, de Bosh, em peças de quebra-cabeça

Vik Muniz, O Jardim das Delícias, de Bosh, em peças de quebra-cabeça

A fábrica ‘The Rouge’, de Henry Ford, era a materialização da integração vertical que definiu a indústria de automóveis dos EUA. Inicialmente, o complexo foi a tentativa de Ford para resolver um problema de produção: naqueles dias anteriores à comunicação em rede, a coordenação precisa de pequenos fornecedores era impossível, com isto, não se podia garantir que todas as partes necessárias para a montagem dos carros ficariam prontas no tempo e condições corretos. A resposta de Ford: controle total. Confiando o mínimo possível em entidades externas, ele pode garantir que suas fábricas tivessem o que precisavam, quando precisavam.”, Charles C. Mann, Beyond Detroit, Wired, junho/2009

Outsource – To transfer the management and/or day-to-day execution of an entire business function to a third-party service provider. They decided to outsource the design and manufacture of the system to a vendor. Wiktionary

Em uma economia onde a terceirização não é mais opção e sim necessidade competitiva para a empresa alcançar maior escala, focar em seus diferenciais, flexibilizar seu negócio e, por fim, reduzir custos, saber coordenar os esforços dos parceiros e profissionais remotos é um grande desafio.

Do ponto de vista do cliente, o mais importante no momento de optar pela terceirização é ter um bom estudo do que se quer e o que se pode atingir. A terceirização envolve investimento de tempo e atenção da empresa e não deve ser tratada como uma solução de curto prazo. Portanto, quanto mais bem definidas estiverem as regras entre o cliente e fornecedor, maior a chance de sucesso da relação, no longo prazo.

Outro ponto importante para a reflexão do cliente é buscar uma relação ganha-ganha com o fornecedor.  A tercerização não fará com que se economize todos os centavos da opção realizada com a equipe interna, ainda mais quando envolve o produto ou serviço, o atendimento ao cliente, parte da pesquisa ou desenvolvimento de novos negócios. Um cliente consciente do valor estratégico da terceirização no longo prazo deve procurar dividir com o fornecedor a economia que fará. Levando-se em consideração que uma tercerização bem feita pode liberar recursos valorosos para outras atividades de mais valor agregado, este ganho também deve ser incluído na equação.

A redução de custos deve ser entendida com fator de menor relevância na decisão pela terceirização e, se ocorrer, deve ser uma consequência de uma relação bem elaborada. O principal da terceirização é o ganho estratégico em foco, escala e flexibilidade.

É cada vez mais comum a participação de consultores na intermediação de contratos de parceria como os de terceirização. Esses consultores podem auxiliar na elaboração de contratos que estabelecem com precisão a sinergia da relação, com mecanismos de premiação ou multa para o caso do fornecedor superar as expectativas ou falhar.

Alexandre Ribenboim.